Tecnologia: técnica ajuda cegos a enxergarem

Jordy LaForge, de Star Trek
Pesquisadores de Israel apresentaram um dispositivo que utiliza o som para formular imagens no córtex visual dos deficientes visuais. Essa revolução da medicina é similar ao usar pelo personagem Jordy LaForge de Star Trek - The Next Generation.
O nome dado a esta tecnologia é 'Dispositivo de Substituição Sensorial', e foi criado por pesquisadores da Universidade Hebraica de Jerusalém. O objetivo é utilizar um algoritmo para traduzir dados visuais em som. 
O Dr. Amir Amedi, lider do grupo responsável pela criação, explica que basta ter um pouco de treinamento para o usuário aprender a interpretar os sons que representam formas, localizações, posições de objetos e pessoas, além de também possibilitar a leitura de palavras.
Cientificamente explicando, o aparelho permite que os dados sonoros, criados por intermédio de imagens, ativem o córtex visual lesionado de pessoas que possuem deficiência visual desde seu nascimento. O córtex visual seleciona em uma via dados que se relaciona com a forma, identidade e cor, e em outra via paralela estabelece a localização do objeto e coordena os dados visuais com a função motora.
Esta técnica foi descoberta depois que os pesquisadores estudaram uma avaliação de duas vias do córtex cerebral de deficientes visuais de nascença, e que eram semelhantes como a de pessoas que enxergam normalmente, provando que esta parte do cérebro funciona normalmente sem estímulos visuais.