Pesquisa indica que 36% dos brasileiros adultos nunca foram ao oftalmologista



Um levantamento realizado pela Sociedade Brasileira de Glaucoma (SBG) entrevistou 2.002 pessoas em todo o País em junho do ano passado e constatou que 36% dos adultos nunca foram em um oftalmologista, e apenas 18% fizeram apenas uma consulta. Muitos também só procuraram ajuda do especialista quando suspeitaram de algum problema grave nos olhos. 
Esses dados são preocupantes, tendo em vista que estima-se existir 1 milhão de pessoas com glaucoma no Brasil, e somente metade desse número está tratando adequadamente a doença. Isso deve-se ao fato de que 42% dos homens e 29% das mulheres não sabem de fato o que é o glaucoma, sendo 10% dos entrevistados profissionais com ensino superior completo, ou seja, não é somente as pessoas com menos acesso à informação que desconhecem a enfermidade. 
A entrevista também constatou que 88% das pessoas sabiam que a doença provoca a cegueira, mas 41% acreditavam que o problema poderia ser revertido. Isso explica o motivo pelo qual o glaucoma tem se alastrado pelo Brasil a cada ano que passa. Quando o problema não é constatado logo no início, o paciente pode perder completamente a visão, e não existe cura quando a pressão intraocular atinge o nervo óptico, e o tratamento apenas controla a situação, mas não devolve a visão.